8 de mai de 2006

Domingo

.
.
.
.
DOMINGO
.
Os domingos passam por mim,
Não pedem licença,
Não perguntam dos meus hábitos,
Passam por mim,
A revelia, autoritários,
Eu não vivo aos domingos,
As lembranças, as cicatrizes
São profundas,
Eu alterei meu calendário,
Hoje eu sou segunda.
.
Tonho França.
.
.
.

4 comentários:

Alexandre disse...

Obrigado pela visita Leonor! Estarei sempre por aqui também.
Abraços

Anônimo disse...

Tem dia que eu quero ser só domingo !!

Jack the Weeker

http://courodejacare.zip.net

Claudio Eugenio Luz disse...

Minha cara, se ontem você era segunda, hoje sou terça - extremamente, gripado.

hábeijos

marcos pardim disse...

oi, leonor. grato pela visita e pelo carinhoso comentário lá no meu caraminhola. também eu sinto-me em paz por aqui, quer seja ao lado de seus rabiscos ou de seus homenageados. mineirices muito me acompanham e muito me comovem. 1 beijo