26 de mai de 2006

Aborto

.

.

Foto de Nanã S. Dias
.
..
Minha dor é velha
Como um frasco de essência cheia de pó.
(Álvaro Campos )

.
ABORTO
.

DEIXAREI QUE MORRA EM MIM AS LEMBRANÇAS QUE JÁ TEMOS
DEIXAREI QUE MORRA EM MIM O FUTURO QUE NÃO VEIO
DEIXAREI QUE MORRA EM MIM TODO O CHEIRO DA CASA
E COM ELE A POSSIBILIDADE DE VIDA .
.
Leonor Cordeiro
.

.

3 comentários:

marcos pardim disse...

por vezes, é necessário mesmo. de outra maneira, o ciclo não se completa, não se renova e o novo não vem. 1 beijo

Burtonesca disse...

Espero que este texto nao seja por experiencia pessoal, e se assim for, é porque algo está errado, nao? Se há algo pra o que o ser humano nao esta preparado é pra esse tipo de perdas... seja em qual estágio for.
Em fim, 3 tendoes?????? O que vc fez? Ó eu aqui, envergonhada, de esportista tenho o mesmo que de bombeiro como se diz aqui, rsrsrs
E ai vamos, comendo armarios e geladeiras e acumulando calorias...pra guerra : / ¿¿??

Espero que se melhore e nao assuste com obraço, minha mae por uma calcificaçao (e por nao se queixar NUNCA) acabou com auqele grandao que segura literalmente o braço no ombro (ou é hombro??? ai) e mesmo achando que a fisio nao tava fazendo efeito, hoje tem mais força nesse braço que no outro. Tanto que hoje chamamos ela de Hulk, huahauhua.

Beijao e melhoras, einh??

Claudio Eugenio Luz disse...

Minha cara, desculpe-me a demora. O que a gente faria se não houvesse existido F.P? Teriámos que inventá-los?

hábeijos