23 de set de 2006

Chegou a primavera ...

.
.

Botticelli - Primavera (Detalhe)
.
.
.
Esta é uma primavera diferente, com as matas intactas, as árvores cobertas de folhas, — e só os poetas, entre os humanos, sabem que uma Deusa chega, coroada de flores, com vestidos bordados de flores, com os braços carregados de flores, e vem dançar neste mundo cálido, de incessante luz.
.
Cecília Meireles
.
.
.

17 de set de 2006

Noturno

Teresa Dias Coelho
...
.
NOTURNO
.
Horas vazias da noite
Sem vozes
Sem pássaros
Sem a claridade das manhãs.
Momento das divagações
Da consciência do tempo
Da crua sensação de fragilidade
Da contingência incomensurável...
Noite infinita da minha vida
Presença constante do adeus .
.
Leonor Cordeiro

.

16 de set de 2006

Presente delicado de amiga ....

.
.

.
.
.
.

Perfume
.
...e estavas em Marília
aqui perto
tu que vives em Minas
bem que senti um perfume
que só em sonhos
árcades...
distantes.
.
.
Irene Vieira
.
.
.

14 de set de 2006

Meus rabiscos...

.
.

Tamara de Lempicka


.
.
Suas garras são pequenas mas frias e fortes
Seu choro é baixo mas longo e vazio
Sua voz é pausada mas ferina
Disfarce, é o seu nome .
.
Leonor Cordeiro
.
.
.
.

1 de set de 2006

Inquietação

.
.


.
.
Inquietação
.
.

Chegaram os oito anos.
Menina pula
Menina cai
Menina chora
Menina ri.
Doutora, e essas bolinhas no rosto?
- São os hormônios ...
.
Chegaram os oito anos
Chegaram os hormônios no corpo da menina .
Menina pula
Menina cai
Menina chora
Menina ri .
Menina pula, cai, chora, ri, tudo ao mesmo tempo .
Menina pi-pó-ca !
.
.
Leonor Cordeiro
.
.