10 de mai de 2009

Que saudade...

.
Que bom é suar na tarde e gritar:
mãe, cê tá aí, mãe ?
.
(Adélia Prado - O coração disparado. Editora Guanabara, p.88)
.

9 comentários:

António Rosa disse...

Bom dia,

Informação:

Na próxima quarta-feira, dia 13 de Maio, a partir das 00:01, entrevista com Murilo Hildebrand de Abreu, dos blogues «Palavra de Osho» e «Os nascimentos das palavras» no meu blog «Cova do Urso»

http://cova-do-urso.blogspot.com/

O dia 13 de Maio tem um significado especial para Portugal e Brasil. No nosso país ocorreram as aparições marianas em Fátima e no Brasil, a escravatura foi abolida. Osho, Murilo e eu não poderíamos estar mais sintonizados com uma data tão especial.

Estando você na lista de blogs do Palavras de Osho, talvez queira conhecer o homem que edita um dos blogs mais interessantes da actualidade. Apareça para dar um alô ao Murilo.

Quarta-feira, dia 13 de Maio, a partir das 00:01

Grato

António Rosa

(Apesar de estar a promover a entrevista do editor do Palavras de Osho, fiquei gratamente surpreendiso e apreciei o seu blog, que não conhecia. Parabéns.)

Papagaio Mudo disse...

que bela homenagem, palavras de simplicidade da brilhante Adélia Prado. Adoro minha mãe também! Rs
Abraço e bom domingo,

Gustavo

manuel marques disse...

"Saudade é ser, depois de ter ."

Linda homenagem as mães.

Um beijo.

angela disse...

Ficou bonita a sua homenagem.
Os dois poemas são tão verdadeiros...

Compulsão Diária disse...

Bela homenagem. Bela!

Leonor Cordeiro disse...

António,

Obrigada pelo convite.
Gostei da entrevista.
Grande abraço!!!

Leonor Cordeiro disse...

Oi Gustavo!

Fiquei feliz com a sua visita.
Essas mães são mesmo especiais!!!
Grande abraço!

Leonor Cordeiro disse...

Manuel e Angela:

É uma homenagem sincera e com muita saudade...
bjs!

Leonor Cordeiro disse...

Compulsão Diária:

Acabei de passar pelo seu blog. Amei os seus poemas!
bjs!