7 de mai de 2008

MINHA TERRA

Pintura de Tarsila do Amaral
.

Minha terra tem palmeiras
Onde canta o sabiá.
.
Gonçalves Dias
.
Todos cantam sua terra,
Também vou cantar a minha,
Nas débeis cordas da lira
Hei de fazê-la rainha;
— Hei de dar-lhe a realeza
Nesse trono de beleza
Em que a mão da natureza
Esmerou-se em quanto tinha.
.
Correi pr'as bandas do sul:
Debaixo dum céu de anil
Encontrareis o gigante
Santa Cruz, hoje Brasil;
— É uma terra de amores
Alcatifada de flores,
Onde a brisa fala amores
Nas belas tardes de abril.
(...)
É um país majestoso
Essa terra de Tupá,
Desd'o Amazonas ao Prata,
Do Rio Grande ao Pará!
— Tem serranias gigantes
E tem bosques verdejantes
Que repetem incessantes
Os cantos do sabiá.
(...)
Quando Dirceu e Marília
Em terníssimos enleios
Se beijavam com ternura
Em celestes devaneios;
Da selva o vate inspirado,
O sabiá namorado,
Na laranjeira pousado
Soltava ternos gorjeios.
.
Foi ali, foi no Ipiranga,
Que com toda a majestade
Rompeu de lábios augustos
O brado da liberdade;
Aquela voz soberana
Voou na plaga indiana
Desde o palácio à choupana,
Desde a floresta à cidade!
.
Um povo ergueu-se cantando
— Mancebos e anciãos —
E, filhos da mesma terra,
Alegres deram-se as mãos;
Foi belo ver esse povo
Em suas glórias tão novo,
Bradando cheio de fogo:
— Portugal! somos irmãos!
.
Quando nasci, esse brado
Já não soava na serra
Nem os ecos da montanha
Ao longe diziam — guerra!
Mas não sei o que sentia
Quando, a sós, eu repetia
Cheio de nobre ousadia
O nome da minha terra!
(...)
.
Casimiro de Abreu
.

4 comentários:

Maria Augusta disse...

Estes poemas que falam de nossa terra nos tocam fundo na alma principalmente quando se está longe dela.
Muito boa escolha, Leonor!
Grande beijo.

Tina disse...

Oi Leonor!

Minha terra tem tudo isso, mas ainda falta algo. E como falta...

Gosto muito desses versos.

beijo grande,

Roseane, disse...

Eu também recorcdei minha infância. Muito legal, obrigada Leonor. Bjks

Leonor Cordeiro disse...

Maria Augusta, Tina e Roseane,`
É tão bom recordar. Esse poema tem "cheiro" de infância...
Mil beijinhos!!!