1 de mar de 2010

Helena Kolody...

Edward Hopper

.
.
.
A inexpressiva multidão dos anos
Passou, anônima e apressada
Afinal, eu vivi,
Ou sonhei que vivi?
.Helena Kolody
.

.

3 comentários:

Silvana Nunes .'. disse...

Olá, boa tarde.
Estava passeando pela internet até cair aqui no seu espaço. Muito interessante o trabalho que é desenvolvido. Estamos sempre na luta, não é verdade. Voltarei mais veszes.
FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... deseja a você uma boa semana.
Saudações Florestais !

manuel marques disse...

Por vezes sonhamos que vivemos...

Beijos.

Paulo Tamburro disse...

Tudo bem ?

Parabéns, seu blog merece, que venha por aqui muita vezes.

Afinal, não temos tantos bons textos com estes seus à nossa disposição.

Caso queira me visitar, meu blog é de humor.

Um abração carioca.